Se você irá concorrer a uma vaga no ensino superior é importante se preparar desde cedo!

Todo e qualquer estudante que vá prestar o Enem em 2019 já tem como objetivo começar a se preparar desde já. Ter em mente a importância desse exame e acima de tudo saber por onde começar a estudar é o primeiro passo para garantir uma boa nota e abrir as portas para um futuro brilhante.

Apostilas do Enem

O aluno tem mil e uma oportunidades de melhorar seus estudos para se sair bem no Exame Nacional do Ensino Médio, uma delas são as provas anteriores disponíveis no site do Inep. Outra oportunidade são as apostilas que podem ser encontradas em bancas ou até mesmo na internet.

Você conhece quais são as atualidades que podem cair no Enem 2019? Se ainda não conhece está perdendo tempo, pois nós já estamos a par de tudo isso a muito tempo!!!

Conteúdo Programático

Segundo passo: Você conhece qual o conteúdo programático do Enem? Sabe do que se tratam as questões, quais são as alternativas e todos os níveis de conhecimento que são abordados no Exame? Comece por ai!

Provas Anteriores

Os Simulados Enem 2019 podem ser excelentes opções para quem deseja se dar bem no Exame Nacional do Ensino Médio. De fato, se preparar para o Enem não é uma tarefa simples, mas com um pouco de esforço é possível obter excelentes resultados.

Existem diversos conteúdos que podem ser encontrados na internet para que você possa estudar. Separamos alguns deles e esperamos sinceramente que lhes possa ser útil. Falando mais a respeito dos cursos preparatórios existem alguns que podem ser encontrados online, até mesmo por vídeo aulas.

Eles estão disponíveis em todas as matérias que costumam cair no Enem, incluindo a famosa redação.

Para quem gosta de enfiar a cara nos livros as apostilas são ótimas opções. O CD- ROM que as acompanha pode ser muito útil para quem tem mais facilidade em gravar as coisas em áudio.

Programa social já tirou milhares de famílias da pobreza

O Bolsa Família é um programa criado pelo governo durante a gestão do presidente Luís Inácio Lula da Silva que tem beneficiado milhares de famílias de baixa renda, tirando-as da pobreza extrema. Para orientar as famílias que recebem esse benefício, foi criado o Calendário Bolsa Família 2019. Nesse post, você poderá conferir todas as informações sobre o Calendário Bolsa Família 2019. Continue conosco!

O Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda. Todos os meses, diversas famílias que se encontram em situação de extrema pobreza recebem uma quantia em dinheiro.

Esse dinheiro é um auxílio para a sobrevivência dessas famílias e permite que elas possam ter moradia, alimentação, saúde, educação e cuidados básicos. Confira também como funciona a consulta ao Calendário do PIS 2019.

O valor do Bolsa Família recebido por cada família pode variar. No momento da seleção das famílias, o setor do governo responsável pelo pagamento desse benefício avalia uma série de fatores. A localização da moradia, a idade das pessoas que compõe a família, a quantidade de gestantes, mães lactentes e crianças e, principalmente, o valor da renda dessas famílias, são os dados analisados.

O que é o recadastramento?

Esse recadastramento é feito anualmente e foi criado para analisar quais famílias ainda precisam receber o benefício. O recadastramento Bolsa Família é feito até para deixar o programa mais justo, evitando possíveis fraudes que prejudiquem famílias que realmente precisam do benefício.

O recadastramento é feito no CRAS (Centro de Referência e Assistência Social) e as famílias que ainda quiserem continuar recebendo esse benefício do governo precisam ficar alertas para realizar esse recadastramento. Os prazos são geralmente divulgados pela Caixa Econômica Federal.

Calendário Bolsa Família 2019: O que é?

O Calendário Bolsa Família 2019 foi criado para as famílias saberem quando o benefício estará disponível para saque. Todos os meses, o dinheiro é transferido para as famílias beneficiadas, porém, a data de recebimento varia.

Para saber o dia em que receberá o benefício, basta conferir o último número do seu NIS.

Por exemplo, se o número for 4, você receberá no dia 21/01, depois no dia 19/02 e assim por diante, conforme destacado na imagem abaixo.

Viu como o processo é simples? Basta saber qual é o último número do seu PIS e conferir no calendário. Fique atento pois você não recebe nos mesmos dias todos os meses.

Avanços tecnológicos e consultas

Graças ao avanço da tecnologia, hoje já é possível realizar consultas e diversos procedimentos burocráticos com mais facilidade.

Foi lançado recentemente o aplicativo do Bolsa Família. Através dele, o beneficiário pode realizar consultas ao Calendário Bolsa Família 2019, saber o saldo disponível para saque, consultar informações sobre o cadastro e também localizar qual a agência da Caixa Econômica Federal mais próxima.

Basta possuir um celular Android, iOS ou Windows Phone para poder baixar o aplicativo do Bolsa Família.

Outra maneira de você consultar todas as informações do Bolsa Família é acessar o site da Caixa Econômica Federal clicando aqui.

O Calendário Bolsa Família 2019 também é fixado em todas as agências da Caixa.

Como tirar a CNH no Brasil?

Muitas vezes ocorre alguns imprevistos com nossa carteira nacional de habilitação, como roubo, danificação ou alguma informação errada. Para resolver estes problemas que de longe pode parecer um pouco complicado, os departamentos de trânsito, conhecido como Detran, oferecem por meio de seu site diversos serviços que ajudam ao motorista solucionar seus problemas, como é o caso da retirada da 2 via da CNH.

Este não é o único serviço oferecido pelo Detran SP por meio online, o motorista também pode conferir serviços relacionado a licenciamento, RENAVAM, IPVA, multas, simulado, regulamentação de placa, emissão de carteiras nacionais de habilitação, entre outros serviços.

Portanto, dificilmente você estará na mão nos assuntos relacionados ao Detran. Antigamente esses serviços só poderiam ser conseguidos visitando presencialmente uma unidade do Departamento de Trânsito ou nas Ciretrans regionais. Então, perdeu ou roubaram sua carteira nacional de habilitação? Aprenda aqui como emitir a 2 via CNH Detran SP em dentro de poucos passos.

Saiba ainda sobre o Licenciamento 2019 MG e como realizar o pagamento desse e de outros impostos dos carros, motos, caminhões, entre outros automóveis.

Como emitir 2 via CNH Detran SP

Primeiramente para emitir 2 via CNH Detran SP é preciso que tenha em mãos um computador conectado à internet com velocidade favorável para que não aconteça nenhum erro durante o momento da emissão, fazendo assim você perder seu tempo precioso. Com isto em mãos acesse o site do Detran SP pelo endereço www.detran.sp.gov.br (Caso não seja do estado de São Paulo acesse o site do Detran do seu estado, os passos a seguir são semelhantes para quase dos os estados do país).

Ao carregar o usuário irá dar de cara com um site com design totalmente rápida e fácil de ser usado por qualquer classe, tanto para os leigos quanto os que sabem mais. Vá até o menu situado na parte superior do site e clique na seção CNH – Habilitação. Assim que abrir a página você irá ver diversos outros serviços como pontos na CNH, renovação da CNH, agendamento, acompanhamento de serviços e solicitação de 2 via CNH, a seção que nos interessa.

Ao chegar à página de solicitação de 2 via CNH, o departamento relembra para não confundir com renovação da CNH, caso esteja vencida, e dispõe de um botão de cor verde com a frase “faça pela internet”, onde você deve clicar. Você será redirecionado a página de login do serviço ou de cadastro, caso ainda não tenha uma conta no site oficial do Detran SP.

Ao fazer o login o usuário será encaminhado para uma página qual terá que preencher alguns formulários para que seja feita a 2 via CNH Detran SP.

Custo para emitir a segunda via

Claro que toda essa comodidade não sairá gratuitamente. A emissão da 2 via CNH Detran SP custa um valor simbólico de R$: 28,69, caso queira receber a 2 via CNH em casa por meio dos correios deverá pagar mais uma taxa adicional de R$: 11,00. Está com alguma dúvida sobre a emissão de 2 via da sua carteira de motorista? Então deixe um comentário abaixo para que possamos o ajudar da melhor da forma possível.

Donos de veículos automotores devem quitar o pagamento dos impostos logo no início do ano

No Estado do Rio de Janeiro, na região centro-oeste do país, se inicia em janeiro o pagamento do IPVA – Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores.

A responsabilidade da arrecadação do imposto no Estado é da Secretaria de Estadual de Fazenda – SEFAZ RJ, e as regras são definidas pela pasta anualmente, entre os últimos meses de um ano, passando a ter vigência a partir de janeiro do ano seguinte.

São raras as mudanças adotadas entre um exercício e outro. Normalmente as datas e locais de pagamento, os descontos concedidos e as opções de pagamento seguem o que foi estabelecido no ano anterior.

O cálculo do valor a ser pago pelo IPVA Rio de Janeiro 2019 é feito com base no valor de mercado do veículo aferido pela Tabela FIPE – Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas. Sobre os valores da tabela incidem as alíquotas, que variam entre 1% e 4% de acordo com a categoria do veículo.

São duas as opções de pagamento oferecidas pela SEFAZ e DETRAN RJ para o IPVA 2019:

  • Cota única com desconto de 5% ou 3%.
  • Em até três vezes mensais, iguais e sucessivas, mas sem direito a descontos.

Os meses para pagamento são janeiro fevereiro e março . Recebem desconto de 5% os contribuintes que efetuam o pagamento integral até o dia 10 do mês de vencimento da primeira parcela (janeiro). O desconto será de 3% para o proprietário que quitar o débito até o dia 20 do mesmo mês.

Quem optar pelo parcelamento terá até o último dia útil de cada um dos três meses para quitar as parcelas.

O contribuinte poderá emitir a guia para pagamento do imposto no SEFAZ, no menu IPVA, Emissão de DAR Novo. Além de emitir guias para pagamento, será possível consultar débitos pendentes do veículo e os possíveis parcelamentos.

Após emitir o seu boleto para pagamento, basta se dirigir a uma agência do Banco do Brasil, Banco da Amazônia, Sicredi, Bancoob, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú Unibanco, Primacredi ou Santander.

A quitação do IPVA Rio de Janeiro 2019 é um dos requisitos para licenciar o veículo. O não pagamento do imposto gera multa e juros, além de o veículo correr o risco de ser apreendido pelas blitz policiais.

Guia do G1 explica como ficar em dia com o Detran SP

Visando facilitar a vida do contribuinte paulista proprietário de veículos, abaixo será possível conferir todas as informações e novidades do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores  do Estado de São Paulo, inclusive sobre consulta no site do Detran SP.

O IPVA no Estado de São Paulo é de responsabilidade da Secretaria Estadual de Fazenda, que deverá divulgar entre os meses de outubro e novembro todas as regras do tributo.

Não são aguardadas alterações nas regras do ipva 2019, devendo ser mantidos os mesmos prazos, descontos concedidos, alíquotas e opções de pagamento adotados no último exercício.

Como quitar seu imposto automotivo

Sendo assim, o tributo poderá ser pago com desconto de 3% em caso de pagamento à vista, em Cota Única. O vencimento da Cota Única é exatamente na mesma data do vencimento da primeira parcela do imposto.

Quem preferir poderá efetuar o pagamento do IPVA SP 2019 dividido em três vezes, com parcelas iguais e vencimentos em meses consecutivos, mas sem direito ao desconto de 3%.

Haverá ainda a opção de pagamento em Cota Única no vencimento da segunda parcela, mas também sem direito a qualquer desconto. Esta opção é interessante para os contribuintes que perderam o prazo da Cota Única e primeira parcela e querem se livrar dos juros e multas que são cobrados por atraso no pagamento.

Guia G1 para consulta do Tributo:

Os contribuintes poderão realizar a consulta do IPVA no site oficial do Departamento Estadual de Trânsito, disponível no endereço eletrônico.

As alíquotas adotadas no Estado de São Paulo são as seguintes:

  • 4% do valor do veículo para automóveis movidos a gasolina ou flex;
  • 3% para veículos que rodam exclusivamente a álcool, gás ou eletricidade;
  • 2% para motocicletas, caminhonetes cabine simples e ônibus ou micro-ônibus;
  • 1,5% para caminhões.

As datas de vencimento terão início em janeiro, quando será possível pagar a Cota Única com desconto ou a primeira parcela. Em fevereiro o contribuinte deverá quitar a segunda parcela ou ainda a Cota Única sem desconto. Em março será o vencimento da terceira e última parcela do imposto. Os vencimentos dentro de cada mês variam de acordo com o número final da placa do veículo.

O pagamento do IPVA em São Paulo poderá ser efetuado nos  Bancos Credenciados pelo Governo Estadual.O recolhimento poderá ser feito por meio do Código RENAVAM nos Guichês do caixa, Autoatendimento e Internet ou ainda através das Guias de recolhimento (GARE-IPVA).

Dúvidas sobre Licenciamento de Veículos, DPVAT, Seguro Obrigatório e outras taxas também poderão ser esclarecidas diretamente com Departamento de Trânsito do Estado de São Paulo – DETRAN SP.

Moradores de Goiânia tem a chance de iniciar um curso profissionalizante gratuito

Estudantes da rede pública de ensino e jovens de baixa renda moradores de Goiânia, atenção: se vocês estão buscando um curso profissionalizante para aumentar as chances de conseguir um bom emprego, precisam conhecer o Pronatec 2019. Através dessa iniciativa, é possível ingressar em um curso de qualidade e isso poderá mudar suas vidas. Continuem lendo para saber tudo sobre o Pronatec 2019 GO.

Pronatec GO

Se você for o próximo beneficiado pelo Pronatec 2019 GO, irá adquirir muito conhecimento técnico e prático para poder conquistar um bom cargo em uma grande empresa. Estando à frente de seus concorrentes, você aumenta suas chances e pode, enfim, conquistar a estabilidade financeira.

O Pronatec é um programa criado pelo governo federal em 2011. Oferecendo cursos gratuitos para jovens de baixa renda, o principal objetivo do programa é expandir os estudos em nosso país.

Desde 2011, o programa já beneficiou milhares de jovens em todo o país. Se você estava esperando pela oportunidade certa para se profissionalizar, não precisa mais esperar. Continue lendo para saber tudo sobre o Pronatec 2019 GO e esteja pronto para mudar sua vida.

Pronatec 2019 GO: Instituições Credenciadas

O Pronatec 2019 GO é parceiro de uma série de instituições de ensino. Cada uma delas oferece cursos nas mais diversas áreas. Assim, o aluno conta com várias opções e pode escolher o curso com o qual mais se identifica.

A seguir, vamos conhecer as instituições credenciadas ao Pronatec 2019 GO:

  • SENAI;
  • SENAC;
  • SENAT;
  • SENAR;
  • Rede federal de educação tecnológica, científica e profissional;
  • Redes estaduais, municipais e distritais de educação profissional e tecnológica;
  • Instituições privadas de ensino habilitadas pelo Ministério da Educação.

Pronatec 2019 GO: Cursos

Os cursos do Pronatec 2019 GO são excelentes para ampliar as oportunidades educacionais dos alunos interessados. Eles são totalmente gratuitos. Quem consegue uma vaga no Pronatec, estuda sem pagar absolutamente nada: não há gastos com mensalidade ou material didático.

Atualmente, o Pronatec oferece mais de 650 cursos de qualificação e mais de 220 cursos técnicos. Todos os cursos podem ser consultados no Guia Pronatec de Cursos FIC clicando aqui ou através do Catálogo Nacional de Cursos Técnicos clicando aqui.

Alguns eixos de cursos oferecidos pelo Pronatec 2019 GO são: Ambiente, Saúde, Controle e Processos Industriais, Desenvolvimento Social e Educacional, Negócios e Gestão, Comunicação e Informação, Infraestrutura, Recursos Naturais, Segurança, Turismo, Lazer e Hospitalidade.

Pronatec 2019 GO: Requisitos e Inscrições

Para poder se inscrever em um curso do Pronatec 2019 GO, é necessário cumprir pelo menos um dos requisitos abaixo:

  • Ser estudante ou ter concluído o Ensino Médio na rede pública de ensino;
  • Ser estudante ou ter concluído o Ensino Médio em uma instituição privada com bolsa integral;
  • Ser trabalhador;
  • Ser beneficiário de algum programa de transferência de renda (como o Bolsa Família).

Se você atende pelo menos um dos requisitos acima, está apto a concorrer a uma vaga no Pronatec. A inscrição pode ser feita no próprio site do Pronatec. Clique aqui para fazer sua inscrição.

Como se Inscrever para Concluir o Ensino Fundamental e Médio

São várias opções para estudar no EJA Supletivo 2019, confira a seguir como e onde se inscrever:

Mas, você poderá também realizar a inscrição no Encceja 2019, entenda melhor:

SESI

Todos os anos, novas turmas para o EJA abrem nas unidades do SESI, em cada estado que tem uma sede. O curso pode ser feito de forma presencial ou a distância, como já explicamos. Para se inscrever, é preciso ir até a unidade do SESI mais próxima a você e se informar sobre o horário das aulas e demais informações, pois isto varia de acordo com cada Estado.

Quem é trabalhador da Indústria não paga nada para estudar, mas quem não tem o vínculo com o setor industrial, também encontra grandes facilidade para iniciar os estudos, pagando uma mensalidade bem abaixo do valor cobrado nas escolas regulares.

Após encontrar a unidade do Sesi mais perto, você precisa levar a seguinte documentação para se matricular:

  • Duas fotos 3×4;
  • Cópia da carteira de identidade;
  • Cópia do CPF;
  • Cópia da Certidão de nascimento ou casamento;
  • Cópia do comprovante de residência;
  • Documento original ou cópia autenticada do Histórico Escolar do Ensino Fundamental I, para quem vai cursas o Ensino Fundamental II; e da ficha 18 que comprova a conclusão do Ensino Fundamental I e II para quem vai cursar o Ensino Médio.

Para receber o certificado de conclusão do ensino fundamental e médio você pode realizar a prova do Encceja, que é realizada todos os anos. A inscrição pode ser realizada no site do INEP, para isso, basta seguir o passo a passo.

Secretaria da Educação

Anualmente, as Secretarias de Educação estaduais ou municipais abrem vagas para o EJA em instituições pública, onde você não precisa pagar mensalidade. Sempre no início do ano as vagas são ofertadas. Os estudantes devem comparecer em uma das escolas do estado ou da prefeitura para fazer sua matrícula. Os estudantes recebem um kit escolar, com fardamento, caderno, bolsa, lápis, régua, borracha, caneta, etc.

É preciso levar os seguintes documentos:

  • Duas fotos 3×4;
  • Transferência da escola em que estudava;
  • Certidão de nascimento ou de casamento;
  • Cópia do comprovante de residência com número do CEP.

Procure a Secretaria de Educação do seu estado ou município para obter informações mais específicas de acordo com as vagas da sua cidade ou estado.

 

Têm carteira assinada? Então entenda tudo sobre o abono salarial

O Abono Salarial é o valor que equivale no máximo à um salário mínimo 2019 e que deve ser pago de acordo com o calendário anual definido pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT) aos trabalhadores que se enquadrem nos padrões previstos em lei.

Ele foi criado visando ajudar os trabalhadores que estão cadastrados no Programa de Integração Social, conhecido mais popularmente pela sigla PIS que busca a integração do empregado do setor privado com o crescimento da empresa onde exerce serviço.

Continue a leitura do artigo abaixo onde você poderá conferir quem tem direito ao Abono Salarial e veja também qual o valor do mesmo, acompanhe.

Qual o valor a que o trabalhador terá direito?

A partir do momento em que foi criada a Lei de nº 13.134/15, o valor do Abono Salarial passou a ser proporcional ao tempo de serviço exercido pelo trabalhador no ano-base em questão. Para realizar o cálculo é muito simples: o valor do benefício vai de acordo ao número de meses que foi exercido trabalho no ano-base multiplicado por 1/12 do valor do salário mínimo válido na data de pagamento.

Para ter direito ao abono salarial é necessário que o trabalhador tenha exercido serviço em um período de no mínimo 30 dias de carteira assinada por uma empresa no ano-base. Cada mês trabalhado é equivalente a 1/12 do salário mínimo no valor do benefício, visto que o prazo igual ou maior que 12 dias contará como mês integral.

Agora que você pode conferir essas importantes informações a respeito do Abono Salarial, ficará muito mais fácil saber qual o valor e como sacar o seu benefício em uma Agência da Caixa. Em caso de maiores dúvidas, deixe o seu comentário logo abaixo para que possamos estar ajudando você a resolver o seu problema.

Regras para receber o benefício

Para ter direito ao abono salarial é necessário que o trabalhador atenda à alguns pré-requisitos que serão disponibilizados logo abaixo, portanto acompanhe para que não fique nenhum tipo de dúvida:

  • O cidadão precisa estar cadastrado no Programa de Integração Social há um período mínimo de 5 anos;
  • Deve ter exercido algum serviço remunerado para Pessoa Jurídica em um período de pelo menos 30 dias, no ano-base definido para apuração;
  • É necessário também ter seus dados informados pela Pessoa Jurídica (empregador) de forma correta na RAIS (Relação Anual de Informações Sociais);
  • Precisa ter garantido uma remuneração mensal média de até dois salários mínimos ao decorrer do ano-base.

É muito importante também ficar sempre atento à tabela para poder conferir a data de recebimento do seu benefício, portanto é indispensável que o interessado fique sempre atento ao Google e esteja sempre buscando por maiores informações atualizadas.

É importante lembrar que o pagamento do Abono Salarial é da total responsabilidade da Caixa, portanto deixaremos um link da página oficial do banco para que você possa estar acessando para consultar maiores informações.

www.caixa.gov.br.

Como retirar o seu abono salarial

Para poder sacar o seu abona salarial, primeiramente o contribuinte deve consultar a tabela do PIS 2017 e dos Rendimentos do mesmo para saber qual será a data de recebimento pois ela muda de acordo com o mês do seu aniversário.

Após fazer a consulta, o próximo passo é verificar e separar a documentação necessária apresentando um documento de identificação com foto. Feito isso basta efetuar o saque do seu benefício em qualquer agência da CAIXA.

Caso você não possua o cartão do banco, você deverá apresentar um documento de identificação também em uma agência da CAIXA e ainda poderá estar solicitando o seu Cartão Cidadão e cadastrar sua senha.

Governo Federal dá auxílio para as famílias em condições precárias

Criado pelo Governo Federal, o programa Bolsa Família já atende cerca de 15 milhões de famílias em todo país. O principal objetivo do programa é ajudar famílias que vivam em condições de extrema pobreza. Famílias nessas condições precisam realizar um bolsa família cadastro, para ter direito ao benefício.

O programa do Bolsa Família já beneficiou milhares de famílias brasileiras, todos os meses diversas famílias possuem dificuldades para saber o saldo bolsa família, por isso, resolvemos explicar passo a passo como consultar saldo bolsa família. Antes de tudo, as famílias beneficiadas precisam manter todos os cadastros atualizados, inclusive o Cadastro Único (CADÚnico).

No início de todo ano, o Governo Federal faz um reajuste no valor do Bolsa Família, levando em conta o aumento do salário mínimo. Por isso, algumas dúvidas surgem sobre os valores do Bolsa Família 2019, principalmente para os recém cadastrados. O Bolsa Família é um programa criado pelo Governo Federal e controlado pela MDS.

O Bolsa Família, junto com outros programas sociais, vem mantendo um papel fundamental no desenvolvimento social do país, assim como todos os anos, o beneficiado precisa ficar atento quanto ao calendário Bolsa Família 2019, pois através dele é possível saber a data de pagamento do benefício.